Brasil: Confiança do empresariado volta cair e é insuficiente para impulsionar investimentos

De acordo com a CNI (Confederação Nacional da Indústria), O ICEI (Índice de Confiança do Empresário Industrial) de junho ficou em 51,9 pontos, um recuo de 1,8 ponto na comparação com maio, após quatro meses de relativa estabilidade.

Como ainda mantém-se acima da linha divisória de 50 pontos, o ICEI revela que os empresários permanecem confiantes, mas a confiança se reduziu entre maio e junho. Frente a junho de 2016, o ICEI mostra crescimento de 6,2 pontos. Todavia, ainda segue abaixo de sua média histórica de 54 pontos, em nível aquém do necessário para
estimular o investimento industrial.

A queda do ICEI, em junho, deve-se exclusivamente a mudanças nas expectativas dos empresários, já que a avaliação referente à situação atual não sofreu alteração neste mês. Com 54,9 pontos, o índice de expectativas revela perspectivas positivas, mas o otimismo quanto ao futuro se reduziu na comparação com maio, quando o índice registrou 57,4 pontos.

O índice de condições atuais, por sua vez, está em 46 pontos, indicando que o empresário ainda percebe piora do ambiente corrente de negócios. O índice mantém-se estável há quatro meses, alternando leituras de 46,3
pontos (março e maio) e 46 pontos (abril e junho).

Perfil da amostra: 2.958 empresas, sendo 1.173 de pequeno
porte, 1.112 de médio porte e 673 de grande porte.
Período de coleta: 1 a 12 de junho de 2017.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s