Brasil: Em todas as categorias de cor ou raça, as mulheres realizam mais afazeres domésticos e cuidados de pessoas do que os homens

De acordo com a PNAD-Contínua 2016 (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) realizada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) as taxas de realização de afazeres domésticos das mulheres superavam as dos homens nos três grupamentos de cor ou raça: enquanto as taxas das mulheres ficavam em torno de 90%, a dos homens ficava abaixo dos 74%, como mostra o gráfico a seguir.

Já a diferença entre as taxas de realização de afazeres domésticos das três categorias de cor ou raça entre as mulheres era menos acentuada: 89,1% das mulheres brancas realizaram essas atividades, abaixo dos 90,9% das mulheres pretas e 90,3% das pardas.

Quanto ao cuidado de moradores, a diferença era maior: 35,3% das mulheres pardas e 34,0% das mulheres pretas cuidaram de moradores do domicílio ou de parentes não moradores, ao passo que entre mulheres brancas a taxa de realização foi de 29,3%.

Entre os homens a diferença por cor ou raça nessa atividade teve menor intensidade: taxa de realização de 22,0% para pretos, 21,1% para pardos e 20,7% para brancos em 2016. A Região Norte apresentou o maior percentual de pessoas realizando cuidados de moradores ou de parentes não moradores (31,4%) e a Sudeste, a menor (25,7%).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s